Bragança é uma cidade localizada no estado de Pará (a sigla deste estado é "PA").


Sobre Censo Demográfico: O Censo realizado pelo IBGE aponta população estimada em 121.528 habitantes, sendo aproximadamente 57.291 homens e 55.936 mulheres. A densidade demográfica de 54.13 km².

 

As pessoas nascidas em Bragança/PA são chamadas de "bragantino" (na expressão popular "Quem nasce em Bragança é bragantino"). Atualmente existem 82.115 alfabetizados.


Sobre Religião: Segundo censo na cidade de Bragança existe 87.539 habitantes da religião católica, 21.540 habitantes da religião evangélica e 21 habitantes espíritas.


Sobre IDHM: (Índice de Desenvolvimento Humano Municipal) que é composto por indicadores de três dimensões: longevidade, educação e renda. Este índice varia entre 0 e 1, sendo que quanto mais próximo de 1 maior o desenvolvimento humano. O IDHM de Bragança/PA é 0.6 .

O código do município de Bragança do IBGE é 1501709. Quantidade de Postos de Saúde e Bragança, PA: 26.


Saiba mais sobre Bragança/PA: Identificamos em pesquisas realizadas em nosso banco de dados que existem aproximadamente 3 ruas cadastradas, distribuídas em 1 bairros (publicamos a relação destes 1 bairros organizados alfabeticamente na parte inferior desta página) na cidade de Bragança/PA. E encontra-se também cadastradas em nossa base de dados cerca de 627 empresas, comércios, prestadores de serviço, profissionais liberais, autônomos, dentre outros. Sendo que estes podem ser facilmente encontradas em: applocal.com.br/empresas na cidade de Bragança/PA.

História da Cidade Bragança, PA:

Município de Bragança
Município Bragança
Estado Pará
Gentílico bragantino
IDH 0.6
População
Total Estimada 121.528 Homens 57.291 Mulheres 55.936 Densidade 54.13 hab./km²
Religião
Católicos 87.539 Evangélicos 21.540 Espíritas 21
Fonte: IBGE
Bragança, inicialmente habitada pelos índios apotiangas da nação dos tupinambás, está localizada à margem esquerda do rio Caeté, razão pela qual é chamada de Pérola do Caeté. É uma das cidades mais antigas do Estado do Pará, com quase quatro séculos de história.Há controvérsia em referência aos primeiros visitantes dessa cidade. Há registro informando que seus primeiros visitantes foram os franceses2, em 1613, com a expedição do Senhor de La Ravardière. Porém, na Enciclopédia dos Municípios Brasileiros consta que decerto foram os franceses os primeiros europeus que, em explorações marítimas, investigaram os meandros da costa paraense, entre o rio Gurupi e a cidade de Belém. 3 No território do município de Bragança, entretanto, não figura fundação alguma, pelo menos com segurança, que lhe possa dar qualquer menção de antecedência. 3O município bragantino fazia parte da capitania do Gurupi. Esse local foi doado por Felipe III, de Espanha, para Gaspar de Souza, Governador-Geral do Brasil, através de carta de 9 de fevereiro de 1622.Em 1633, Francisco Coelho de Carvalho deu ao seu filho Feliciano Coelho de Carvalho a mesma capitania. Doação essa que foi reprovada pela coroa espanhola, em virtude da reclamação de Álvaro de Souza, filho de Gaspar de Souza, à Corte de Madri. Álvaro de Sousa procurou desenvolver e impulsionar a sua capitania, fundando o povoado, à margem direita do rio Caeté. Ao governador e capitão general do Grão-Pará, Francisco Xavier de Mendonça Furtado, deve o município atual a sua criação, cuja sede ficou desde 1753 com a denominação de Bragança. Os prédios históricos instalados nas ruas do município de Bragança, tais como a Igreja de São Benedito, do século XVIII, a catedral de Nossa Senhora do Rosário, construída na segunda metade do século XIX, o Instituto de Santa Teresinha, entre outros, traduzem parte da sua história marcada pela colonização portuguesa.


Fonte: IBGE e Prefeitura Municipal.


Bairros de Bragança